SABRAGE COLETIVO

O sabrage coletivo foi criado pela organização da Fenachamp em 2009 como uma forma de valorizar o espumante.

O ritual do sabrage foi concebido no princípio do século XIX. Conforme a tradição francesa, para celebrar suas vitórias Napoleão Bonaparte realizava a degola das garrafas do champanha com um único golpe de seu sabre.

Hoje, este ritual persiste vivo e continua sendo usado para solenizar grandes momentos. Mais que um simples ato de decapitar a garrafa, o

sabrage coletivo concebe para Garibaldi e para a Fenachamp, por meio de um espetáculo de destreza, cultura e sincronia, a oportunidade sublime de fazer a Fenachamp explodir em alegria e entrar para história.

Com o feito alcançado, o evento de 2013 conquistou a façanha de fazer parte do Guiness Book (Livros dos Recordes) para receber o reconhecimento mundial até então dado a outro país com 154 participantes. Neste ano, a festa alcançou o número de 196 pessoas que fizeram o sabrage ao mesmo tempo, entrando para o livro dos recordes impressos em 2015.

A façanha criou proporções maiores ainda em 2015. Mais um recorde mundial foi registrado no Guiness Book, dessa vez com o expressivo número de 277 garrafas sabradas.

Todo este envolvimento da comunidade, imprensa e amantes do espumante brasileiro tornam o Sabrage Coletivo da Fenachamp uma das atrações mais procuradas da festa.