A CAPITAL BRASILEIRA DO ESPUMANTE

Garibaldi, a famosa Terra do Champanha, foi emancipada de Bento Gonçalves no ano de 1900, recebendo esse nome em homenagem ao herói da Revolução Farroupilha, Giuseppe Garibaldi. Até então, essa próspera cidade era a Colônia Conde D'Eu, colonizada por diversos povos, entre eles os alemães, italianos, libaneses e franceses.

Foi a cultura italiana que predominou, destacando-se em sua arte, arquitetura e costumes. Pela força de um povo trabalhador e da cultura predominante. Garibaldi já chegou a ser responsável pela elaboração de mais de 80% do champanha nacional e 60% dos vinhos finos nacionais.

Em posição privilegiada, há 105 km da capital, 640 m de altitude e com uma população de 30 mil habitantes, Garibaldi ocupa uma área geográfica é de 181,2km2, sendo subdividida em 24 bairros e 2 distritos.

Garibaldi tem como base econômica a indústria, que responde por 65% de toda a economia do município, tornando-se à Terra do Champanha pelo seu pioneirismo, com a produção do primeiro espumante brasileiro, em 1913, pela família Peterlongo. Durante quatro décadas, o espumante garibaldense foi o único produto do gênero produzido no Brasil, conquistando definitivamente o mercado nacional a partir de 1930.

SERVIÇOS DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS

Secretaria Municipal de Turismo
Endereço: Rua Júlio de Castilhos, nº 254 – Bairro Centro
Fone: (54) 3462-8235
E-mail: turismo@garibaldi.rs.gov.br

Centro de Informações Turísticas
Endereço: RST 470, entrada para o Parque da Fenachamp
Diariamente das 9h às 17h
Fone: (54) 3464-0796